O maior (e melhor!) Centro de Conhecimento de Unhas do mundo!

Como podemos ajuda?

Procurar por respostas você está procurando.

Hangnails

5.9k visualizações

O que são unhas encravadas e quais são suas causas?

Hangnails são um pequeno pico de prego dentro do pregas ungueais laterais ou, mais comumente, um pedaço de pele rasgado adjacente a uma unha das mãos ou dos pés.

Antigamente, definíamos uma unha encravada como um pedaço de pele, mas uma reanálise da unidade de pregos mostra que o placa ungueal também pode se fragmentar na lateral dobras nas unhas criar uma lasca de unha pendurada. Portanto, agora temos duas definições de unha encravada.

** Definição A: ** É um pedaço de pele rasgada que é elevação longe de um dobra da unha. (Imagine aquele pedaço incômodo de pele que às vezes fica pendurado, implorando para ser arrancado)

** Definição B: ** Uma lasca placa ungueal na lateral dobra da unha (em torno do paroníquia A unha pode ser um pouco mais dura do que uma xícara de chá) que, conforme a unha cresce, pressiona a carne ou se projeta, e quando você a "mexe", ela parece dura, um pouco como um dente solto. A mesma coisa pode ocorrer no LNF da unha do pé, causada por corte inadequado, técnica de lima ruim ou corte muito profundo.

** Sintomas: ** Em ambos os casos, embora muitos de nós já tenham tido o infortúnio de experimentar uma unha encravada, o mais importante é reconhecer o desconforto que elas causam e diferenciar as duas situações.

Quando (qualquer um deles) é retirado, há sangramento, inchaço, dor e infecção. inflamação pode ocorrer. Lembra-se da picada aguda depois de puxá-lo acidentalmente? Sim, esse é o início de qualquer um desses problemas.

Em 1922, o British Medical Journal escreveu sobre as unhas encravadas. "A irritação que causam é desproporcional ao seu tamanho; são sempre inconvenientes e, no caso de pessoas que usam as mãos e entram em contato com materiais infecciosos, podem ser realmente perigosas." (Até sua introdução em 1889, as luvas não eram comumente usadas e as primeiras luvas médicas descartáveis de látex foram produzidas em 1964 pela Ansell Rubber Company)

O que causa uma unha encravada?

As principais causas de unhas encravadas incluem manicure. técnicas, uso impróprio de técnicas profissionais produtos para unhasressecamento da pele, temperaturas frias, hiperqueratose no leito ungueal e pele grossa ao redor da placa ungueal. Unhas encravadas que aparecem alguns dias após uma tratamento de unhas também pode ser um sinal de que foi usada uma técnica de manicure ruim.

  • Técnicas agressivas de manicure: Já se entusiasmou demais com sua manicure? O cuidado excessivo com as unhas pode ser o melhor amigo de uma unha encravada!

Remoção do Estrato córneo ao redor da camada Lateral As dobras de pregos com um arquivo eletrônico causarão A placa ungueal pode se defender com uma camada extra-queratinizada e dura de pele, o que também pode fazer com que a placa ungueal se lasque ao longo das dobras ungueais laterais. Você também pode, embora não intencionalmente, causar uma lasca na placa ungueal com seu bit de arquivo eletrônico.

É importante lembrar que a placa ungueal está em movimento perpétuo 24 horas por dia, 7 dias por semana, enquanto a unha matriz continua a gerar novos células da lâmina ungueal. Da mesma forma, nossa pele passa por regeneração contínua, o que a torna um órgão dinâmico e em constante renovação. Essa atividade celular contínua é essencial para manter a saúde e integridade de nossas unhas e pele.

Uso inadequado de produtos profissionais para unhas:

Nem todos os produtos são iguais, e o uso incorreto deles pode levar às temidas unhas encravadas. Certifique-se sempre de que está usando os produtos adequadamente.

Fatores ambientais: Pense naqueles dias frios de inverno em que sua pele fica tão seca quanto o Saara.

  • O clima frio pode ser um dos principais culpados pelas unhas encravadas dolorosas. Isso se deve, possivelmente, à contração da pele durante o tempo frio. Além disso, as placas ungueais que estiveram continuamente na água se contraem à medida que o excesso de água evapora, fazendo com que a própria placa ungueal se contraia. Se houver uma pequena fratura na placa ungueal, ela aumentará durante a contração, fazendo com que a placa ungueal se frature ainda mais ou se lasque.

Condições da pele: Condições como hiperqueratose relativa no leito ungueal podem tornar a pele ao redor das unhas espessa e mais suscetível a unhas encravadas. Outras condições de pele, como Líquen plano, Alopecia Areata, Psoríase, Eczema bem como Edema pode causar Perda de água transepidérmica (TEWL) ou perda de água transoníquia (TOWL) - uma unha saudável tem cerca de 18% de conteúdo natural de água, o que pode levar a unhas encravadas.

Quem é afetado pelas unhas encravadas?

Qualquer pessoa, especialmente aquelas que trabalham muito com as mãos ou que trabalham com as mãos na água. Jardineiros, carpinteiros ou, bem, qualquer pessoa que costuma sujar as mãos, molhá-las ou expô-las a condições adversas pode achar que as unhas encravadas são hóspedes frequentes e indesejáveis. Os funcionários de escritório sofrem com a pele solta ao redor das mãos. unidade de pregos geralmente desencadeada por cortes de papel.

Além disso, o uso de luvas protetoras feitas de borracha, látex ou nitrilo pode causar o acúmulo de fluido ao redor da região da cabeça. unidade de pregos se as luvas não forem trocadas regularmente - recomendamos que sejam trocadas a cada 30 minutos ou mais cedo se suas mãos parecerem molhadas dentro das luvas.

 Lavar bem as mãos e aplicar um óleo ou loção de boa qualidade para unhas e pele antes de reaplicar as luvas também ajuda.

Como os técnicos de unhas podem ajudar com as unhas encravadas?

As unhas encravadas podem ser evitadas com a técnica adequada de manicure e com o cuidado e a manutenção contínuos das unhas e da pele. Quando a pele estiver áspera, dura ou seca, cremes, óleos e loções hidratantes devem ser recomendados ao cliente para evitar as chances de que isso aconteça ou volte a ocorrer. Técnicos de unhas não servem apenas para deixar as unhas bonitas; eles são os heróis desconhecidos quando se trata de cuidar das unhas.

Prevenção: A técnica correta de manicure é metade da batalha vencida. Com um manuseio cuidadoso e as ferramentas corretas, as unhas encravadas podem ser mantidas sob controle.

A unha encravada causada por uma lasca na placa ungueal pode ser tratada por técnicos de unhas com uma manicure cuidadosa e gentil.

Não é de conhecimento geral, mas a experiência no salão mostra que aderir uma unha encravada em uma placa ungueal com um produto para unhas artificiais e um pequeno pedaço de seda, tomando cuidado para não tocar a pele aliviará os sintomas e a aplicação de um óleo e de uma loção hidratante de boa qualidade melhorará a flexibilidade e a qualidade da placa ungueal (ajudando a impedir a recorrência da unha encravada). Nunca use cola para unhas para fazer isso, pois ele contém alergênicos que poderia acionar um reação alérgica.

No salão de beleza, talvez possamos ajudar de uma forma mais prática. No mundo da podologia, usamos compósito para criar aparelhos de unha. O compósito é eficaz porque, à medida que cura, ele encolhe. Esse encolhimento (suavemente) levanta a lâmina ungueal para fora da cavidade do paroníquio em que ela se encontra, reduzindo a pressão da lâmina ungueal na dobra ungueal lateral. Ao aplicar essa técnica no salão de beleza para unhas das mãos, é importante lembrar a importância de Manutenção e cuidados com a unidade de unhas com um óleo e uma loção de boa qualidade. A flexibilidade da placa ungueal ajudará a aliviar a pressão e/ou a dor causada por uma lasca ou pele de unha encravada à medida que a unha continua a crescer.

Unhas que rasgam a pele

Isso pode ser excepcionalmente doloroso e, se a mancha de pele for particularmente grande, costumávamos cortá-la com cortadores ou tesouras. De acordo com um artigo publicado em outubro de 2019 (consulte a ref.), uma maneira mais simples e eficaz de lidar com uma unha grande é colá-la de volta no lugar com um fio cirúrgico. cola. Isso proporciona alívio imediato. Nunca use cola de unha para fazer isso, pois ela contém alérgenos que podem desencadear uma crise. reações alérgicas reação.

Nunca arranque ou morda a pele seca, escolhendo o menor dos dois males, é melhor removê-la com uma tesoura de unha afiada e limpa.

Recomendações para os clientes

Lavagem regular das mãos com água e sabão e uso de óleos ou loções de boa qualidade para as unhas e a pele que contenham ureia pode evitar que as unhas encravadas voltem a aparecer ou reduzir a dor.

For the DIY folks out there

Fear not! There are ways to tackle hangnails right at home.

Moisturization: Dryness is a hangnail’s playground and Nr 1 enemy of the nail unit. Realizing the importance of and keeping the skin around the nails moisturized can be a game-changer.

Avoiding Damage: Resist the urge to pull or bite hangnails. When in doubt, use sterilized clippers or sterilized sharp nail scissors to gently trim them.

When to seek professional help

Signs of Infection: Redness, swelling, color change & or pus? It’s time to seek help.

Persistent Problems: If hangnails are a recurring issue despite your best efforts, it might be time to see a dermatologista.

Other Complications: Sometimes, what looks like a simple hangnail might be more. If you notice any unusual symptoms, better to get it checked!

FAQs:

1. Can hangnails lead to infections?
* Yes, if left untreated or if improperly handled, hangnails can lead to infections.

2. How often should I moisturize my hands to prevent hangnails?
* Moisturizing 4-5 times daily or whenever your hands feel dry is a good rule of thumb.

3. Can I use any oil?
* While many oils can be beneficial, olive oil, apricot oil or coconut oil are commonly recommended for cuidados com as unhas and there are some amazing nail & skin oils in the professional market.

4. Are there any specific creams or oils to prevent hangnails?
* Look for creams with ingredients like urea, allantoïne, hyaluronic ácido or ceramides which provide deep hydration.

5. How can I tell if my hangnail is infected?
* Signs of infection include redness, swelling, warmth, color changes and/or pus around the hangnail.

Contra indications for removal of hangnails:

1: Chemotherapy and or immunotherapy can cause serious edema in the hands and or feet that forces the nail plate out of the paronychium cup, this is enough to cause serious hangnail problems with likelihood of infection being a very real possibility – Please refer these clients to a medical hand specialist, oncology hand specialist, the leading nurse in their treatment team, a medical practitioner or their GP. DO NOT apply artificial nail products.

2: Clients suffering from Diabetes should not be treated in a Nail Salon without expertise or a specialism qualification in Diabetes. DO NOT apply artificial nail products and never use an efile to ‘esmalte’ the skin or to remove dry or keratinized skin, infections for these clients can have serious consequences such as amputation or sepsis and should be taken very seriously. When in doubt refer these clients to a medical hand specialist, the leading nurse in their treatment team, a medical practitioner or their GP.

3: Soaking hands & nails in solutions for any longer than 30 seconds can work to perpetuate hangnails in the hand and or feet. Nails and Skin emersed in water for longer will absorb that water and swell after which the water evaporates and any cracks in the skin or nails will worsen as the nails and skin shrink back to their normal size. Rinsing and washing of hands is always good as long as you replenish any lost oils and use a loção para as mãos.

Conclusion:

Hangnails might be tiny, but they sure pack a punch in the discomfort department. By understanding their causes and seeking the right treatments, you can keep your hands hangnail-free or at least hangnails under control. And remember, nail technicians are there to help, not just glam up your nails. So, next time you spot a hangnail, you know what to look for and how to deal with it.

Galeria de imagens

Skin Hangnail
Skin Hangnail
Nail Plate Hangnail
Nail Plate Hangnail

Article References

REF: Kaur I, Jakhar D, Misri R. Hangnails: Pediatr Dermatol. 2020 Jan;37(1):255-256. doi: 10.1111/pde.14008. Epub 2019 Oct 20. PMID: 31631394.

pt_BRPortuguese
Carrinho de compras