O maior (e melhor!) Centro de Conhecimento de Unhas do mundo!

Como podemos ajuda?

Procurar por respostas você está procurando.

Paroníquia

3.7k visualizações

Uma análise aprofundada das causas, sintomas e opções de tratamento

Paroníquia é uma condição inflamatória que ocorre na pele ao redor das unhas e pode ser extremamente dolorosa e inestética. Essa condição pode ser causada por uma variedade de microrganismos, incluindo bactérias e fungosque pode causar vermelhidão, inchaço, dor e pus. Nesta postagem do blog, vamos nos aprofundar nas complexidades da paroníquia, explorando seus sintomas, causas, opções de tratamento e estratégias de prevenção.

Sintomas da paroníquia

Os sintomas da paroníquia podem variar em intensidade, dependendo da gravidade da infecção. Normalmente, a condição é caracterizada por vermelhidão, inchaço, dor e sensibilidade ao redor da unha afetada.

Também pode haver formação de pus, e a pele pode ficar quente ao toque. Em alguns casos, a unha pode ficar descolorida ou distorcida. Essas manifestações podem ser bastante desconcertantes, e é importante procurar atendimento médico o mais rápido possível.

Causas da paroníquia

A paroníquia pode ser causada por todos os tipos de fatoresincluindo bactériasfungos e outros microorganismos.

Ela pode ser causada por um trauma na unha ou pele ao redorcomo roer as unhas, ou por meio de um processo mecânico ou de arquivo manicure.. Jardineiros que não usam luvas podem sofrer de paroníquia crônica.

Certas condições de saúde subjacentes, incluindo diabetes ou sistema imunológico distúrbios de saúde, também podem aumentar o risco de desenvolver paroníquia. As complexidades dessa condição são vastas, e suas causas são multifacetadas.

Prevenção: Dicas para uma ótima saúde das unhas

Felizmente, existem medidas que podem ser tomadas para evitar o desenvolvimento da paroníquia.

Isso inclui:

  • praticar uma boa higiene das unhas
  • evitando trauma nas unhas
  • gerenciamento de condições de saúde subjacentes
  • manter as unhas limpas e secas
  • evitar roer e arrancar as unhas
  • usar luvas ao manusear produtos químicos ou trabalhar em casa e no jardim

Manutenção da saúde da pele:

  • Lavar as mãos com água e sabão
  • Manutenção dos níveis de umidade nas unhas e na pele com óleo e loção
  • uma dieta saudável
  • beber água
  • exercícios regulares (para ajudar a estimular o sistema imunológico)

Como lidar com infecções nas unhas

Se você desenvolver paroníquia, há uma variedade de estratégias que podem ser empregadas para lidar com a condição.

Tome cuidado com pessoas com sistema imunológico debilitado e bebês, pois a infecção pode ser contagiosa.

Isso inclui tomar analgésicos de venda livre e evitar atividades que possam agravar a área afetada. Lavar a área afetada com água e sabão, secar bem e aplicar uma solução clara de vinagre de cozinha e gotas de clorexidina 0,1-0,3%, se disponível, também pode ser eficaz. É importante observar que a imersão pode dar aos microrganismos a chance de crescer, portanto, deve ser sempre evitada.

Diagnóstico da paroníquia

Se você suspeitar que pode ter paroníquia, é essencial buscar o diagnóstico de um profissional da área médica. Seu médico provavelmente realizará um exame físico e poderá solicitar exames laboratoriais ou de imagem para confirmar o diagnóstico. Ele também poderá diferenciar entre paroníquia aguda e crônica, pois as opções de tratamento podem variar dependendo da gravidade e da duração da infecção.

Tratamento da paroníquia

O tratamento da paroníquia depende da causa subjacente e da gravidade da infecção.

Em alguns casos, podem ser prescritos antibióticos ou medicamentos antifúngicos para eliminar o fungo. patógeno causando a infecção.

Outras medidas também podem ser recomendadas por seu médico para aliviar a dor e reduzir o inchaço. Em casos graves, especialmente em clientes/pacientes com sistemas imunológicos fracos, o médico ou o médico legista prescreverá antibióticos. As complexidades do tratamento da paroníquia podem ser desafiadoras, mas, com a atenção e o tratamento médico corretos, é possível se recuperar sem piorar a situação.

Gerenciamento e prevenção: Dicas para unhas saudáveis

A paroníquia pode ser uma condição dolorosa e desconfortável, mas com o tratamento adequado e estratégias de prevenção, é possível lidar com ela. Praticar uma boa higiene das unhas, evitar traumas nas unhas e controlar as condições de saúde subjacentes podem ajudar a reduzir o risco de desenvolver paroníquia. Se você desenvolver a condição, há opções de tratamento disponíveis que podem ajudar a aliviar os sintomas e promover a cura. E se você tiver alguma dúvida ou preocupação, não hesite em falar com seu médico.

A prevenção é fundamental quando se trata de paroníquia

Ao cuidar de suas unhas e praticar uma boa higiene, você pode ajudar a manter essa condição sob controle. E se você notar algum sintoma de paroníquia, não espere para procurar tratamento. Quanto mais cedo você agir, mais fácil será controlar a infecção e evitar que ela se torne mais grave.

Se estiver apresentando sintomas de paroníquia ou tiver alguma preocupação com a saúde das unhas, não deixe de marcar uma consulta com seu médico.

Eles podem diagnosticar a doença e recomendar o melhor tratamento para suas necessidades. Anote o que você já fez para aliviar a condição - isso ajudará o médico nas escolhas que ele fará. Às vezes, a infecção precisará ser drenada para ajudar na recuperação, o que é um procedimento rápido, mas doloroso.

Com os cuidados e a atenção adequados, a paroníquia pode ser tratada de forma eficaz, permitindo que você tenha unhas saudáveis e bonitas.

Leitura adicional

Para evitar danos adicionais ao placa ungueal e dobras nas unhasPor isso, é importante tratar a paroníquia o mais rápido possível. Você pode saber mais sobre danos à placa ungueal em nosso artigo sobre distúrbios da placa ungueal

pt_BRPortuguese
Carrinho de compras